Estado

Termo de cooperação firmado entre Governo do Estado e Tribunal de Justiça garante vagas de emprego para reeducandas

Doze mulheres, que cumprem pena no regime semiaberto, começam a trabalhar na digitalização de documentos processuais

Fonte:Secom Mato Grosso
19 de Maio de 2022 as 18h 30min

A assinatura aconteceu hoje, no anexo administrativo do Tribunal de Justiça - Foto por: Sesp-MT

O secretário de Estado Segurança Pública, Alexandre Bustamante, e a presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Maria Helena Gargaglione Póvoas, assinaram nesta quinta-feira (19.05) um termo de cooperação técnica, assegurando vagas de emprego para reeducandas do sistema penitenciário, que cumprem pena em regime semiaberto.

Seis reeducandas começam a trabalhar imediatamente, enquanto outras seis devem ter seus contratos formalizados em breve. O TJ-MT montou um espaço específico para receber as novas servidoras, ofertando, além da estrutura de computadores e scanners, entre outros equipamentos necessários à digitalização, um ambiente confortável e acolhedor.

O termo, articulado por meio da Fundação Nova Chance (Funac), prevê a ampliação do número de contratações conforme as demandas apresentadas. Esta instituição do Governo do Estado de Mato Grosso, criada pela lei 291/2007, objetiva a reinserção social de pessoas em privação de liberdade e egressos do sistema penitenciário,

“Oportunidade. Esta é a palavra de ordem, quando se trata de reinserção social”, declarou o secretário. Ele observou ser exatamente isso que o Tribunal está fazendo. Dando oportunidade, ao abrir espaço para contratação de reeducandas.

Bustamante agradeceu ao TJ, na pessoa da presidente Maria Helena. Disse que gostaria que mais empresas e órgãos públicos se sensibilizassem e entendessem, que a reinserção só acontece quando os egressos das unidades prisionais conseguem emprego e passam a dispor de renda para o próprio sustento e da família.

O desembargador Orlando Perri, supervisor do Grupo de Monitoramento do Sistema Carcerário e Socioeducativo (GMF-MT), disse que reconhece a atenção do Governo Mauro Mendes ao sistema prisional. “O Governo e a Secretaria de Segurança Pública estão de parabéns. Voltaram os olhos aos presídios e agora o Estado caminha para uma condição diferenciada, a de ter mais vagas que presos”, elogiou Perri.

A presidente do TJ, Maria Helena Póvoas, destacou que a pena precisa cumprir sua função social, ou seja, fazer com que o apenado deixe o sistema prisional melhor do que quando ingressou. Assegurar oportunidade de trabalho e renda, observou ela, é uma das ações mais importantes dentro do processo de reinserção social.

A desembargadora considera equivocada a ideia de que, quanto pior tratar quem está privado de liberdade maior será sua punição. “Tratá-lo mal o faz deixar o sistema pensando em afrontar a sociedade de maneira cada vez mais severa”, avaliou ela.  

O presidente da Funac, Winkler de Freitas Teles, explicou que as reeducandas contratadas trabalharão no horário vespertino, em regime de 6hs diárias, e receberão o equivalente a um salário mínimo (R$ 1.212), mais auxílio transporte e alimentação.

Com quatro filhos e dois netos, aos 38 anos a reeducanda A. é uma das contratadas pelo Tribunal de Justiça. Ela está sem renda fixa há oito meses e conta ter sido presa sob acusação de porte ilegal de arma de uso restrito e aliciamento de menores.

A. passou os três primeiros dias de sua prisão no regime fechado e, assim que ganhou a liberdade, recebeu o aviso de demissão da empresa onde trabalhava. Segundo ela, não a aceitaram, porque ela estava sob monitoramento de tornozeleira eletrônica.   

Ela, então, passou a trabalhar como faxineira diarista. Na nova função, também precisou esconder a tornozeleira. E fazia isso usando calça comprida permanentemente. Voltar a ter de um emprego com renda fixa, diz ela, é a realização de um sonho e a motivação que precisava para voltar a estudar. Concluir o ensino médio é a nova meta da reeducanda.  

Também participaram da assinatura, os desembargadores Paulo da Cunha e José Zuquim (Corregedor Geral); o secretário-adjunto de Segurança Pública, Carlos Davim; o secretário-adjunto do Sistema Penitenciário, Jean Gonçalves, e o presidente da Funac, Winkler de Freitas Teles.

A presidente do TJ, desembargadora Maria Helena, e o secretário de Segurança, Alexandre Bustamante, visitaram a sala de digitalização, onde as reeducandas vão trabalhar (Foto: Sesp-MT) 


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Estado

Estado

Brasil tinha 544 mil policiais militares, civis e bombeiros em 2020

Pesquisa aponta redução do número de policiais militares e civis

01 de Julho de 2022 as 18h00

Estado

Governo de MT assina convênio com a Prefeitura de Sinop para construção da nova unidade da Politec

O projeto arquitetônico do novo edifício traz uma linguagem moderna e arrojada, inspirada no projeto do futuro complexo de Cuiabá

01 de Julho de 2022 as 17h30

Estado

Decreto federal prevê multa em dobro para quem colocar fogo em Unidade de Conservação

Está proibido o uso do fogo em todo o território estadual entre 1º de julho e 30 de outubro de 2022

01 de Julho de 2022 as 17h00

Estado

MT inicia regulamentação para pagamento de recompensas em casos de investigações criminais

Prática já funciona em Estados como Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal

01 de Julho de 2022 as 17h00

Estado

Governo de MT suspende publicações nos sites e perfis de redes sociais institucionais

Durante o período, as páginas de atendimento à população permanecerão em funcionamento normalmente

01 de Julho de 2022 as 15h45

Estado

Governador firma convênio para asfaltar o 1º Distrito Industrial de Rondonópolis

Mauro Mendes e prefeito José do Pátio assinaram a parceria nesta sexta-feira (01.07)

01 de Julho de 2022 as 15h15

Estado

TV Feira é a nova integrante da RNCP

EBC e canal baiano iniciam transmissão em canal aberto nesta sexta

01 de Julho de 2022 as 15h15

Estado

Concurso do Indea Mato Grosso é homologado e nomeações devem ocorrer neste ano

A expectativa é chamar 100 novos servidores; concurso tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois

01 de Julho de 2022 as 15h00

Estado

Governo de MT doa a povos indígenas balsa que faz travessia do Xingu

Governo do Estado investiu R$ 1,2 milhão para recuperar balsa e rebocador que funcionam dentro do Parque do Xingu

01 de Julho de 2022 as 15h00

Estado

Brasil terá Semana Nacional da Adoção no calendário

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União

01 de Julho de 2022 as 13h00

Estado

Governo já entregou 18.130 luminárias do MT Iluminado para 53 municípios

Luminárias já estão sendo instaladas em Várzea Grande, Porto Alegre do Norte e Juína

01 de Julho de 2022 as 11h30

Estado

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 43 milhões

Próximo sorteio será no sábado

01 de Julho de 2022 as 11h00

Estado

Coluna: Festival Varilux de Cinema Francês é destaque da semana

Veja dicas de filmes por Anna Karina de Carvalho

01 de Julho de 2022 as 11h00

Estado

Governo firma convênio para construção de 1,4 mil casas em Sinop: “um dos investimentos mais importantes para o município”, afirma prefeito

O ato de assinatura foi em Sorriso (a 394 km Cuiabá), onde o governador contemplou 15 municípios com novos convênios

01 de Julho de 2022 as 11h00

Estado

Mais de R$ 150 milhões em investimentos marcam reestruturação do Sistema Penitenciário de Mato Grosso

Até o fim deste ano, Mato Grosso terá zerado o déficit carcerário, passando a ofertar 12 mil vagas para um total de 11 mil presos

01 de Julho de 2022 as 11h00

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO