Economia

Ministro: privatização pode aumentar recursos para infraestrutura

Guedes participou de evento da plataforma Arko Advice e Traders Club

Fonte:Agência Brasil
19 de Maio de 2022 as 14h 00min


O ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu hoje (19) a privatização como forma de aumentar os investimentos em infraestrutura. Segundo o ministro, “modelo antigo”, baseado em grandes empresas estatais “se esgotou”. 

“Só uma empresa, a Cedae [Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro], quando fizemos o marco do saneamento, mobilizou em um fim de semana, aqui em São Paulo, R$ 50 bilhões. Seis vezes e meia o orçamento do ministro [da Infraestrutura]”, disse, ao comparar o resultado do leilão realizado em abril e o orçamento do Ministério da Infraestrutura. Na ocasião, foram pagos R$ 22,69 bilhões em outorgas e estão previstos R$ 30 bilhões em investimentos em 12 anos. O ministro participou de um seminário promovido pela plataforma Arko Advice e Traders Club.

Ontem (18), o plenário do Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou o modelo de privatização da Eletrobras, estatal considerada a maior empresa energética da América Latina.

IPI

Guedes afirmou ainda que a alta carga tributária tem provocado a redução da produção industrial do país nos últimos anos. “O IPI [Imposto sobre Produtos Industrializados] desindustrializou o Brasil”, enfatizou durante a palestra. Segundo o ministro, são os impostos que fazem com que o país tenha que importar produtos que poderiam ser produzidos nacionalmente. “O Brasil tem matéria-prima de toda espécie. Ou seja, tem a soja, mas, às vezes tem que trazer de fora o óleo de soja, Tem o minério de ferro, mas, às vezes, tem que trazer de fora o aço.”

Guedes disse que o governo aproveitou o aumento de arrecadação para diminuir os valores cobrados com o imposto. “Pela primeira vez, em 40 anos, nós baixamos o IPI. Ninguém fez isso antes”, destacou. Em fevereiro, uma série de produtos teve as alíquotas do IPI reduzidas em 25%, percentual que foi ampliado para 35% a partir de maio. De acordo com o Ministério da Economia, com a desoneração, a União deixará de arrecadar R$ 15,2 bilhões em 2022, R$ 27,3 bilhões em 2023 e R$ 29,3 bilhões em 2024. 

Inflação

O ministro também comentou sobre a alta inflação que, segundo ele, é um fenômeno mundial. “A inflação que tem hoje é uma inflação mundial, porque os bancos centrais dormiram no volante. O nosso [Banco Central] já acordou, saiu correndo e tomou um café: está vivo”, disse, sobre o aumento da taxa básica de juros que o Banco Central tem feito desde o ano passado para conter o aumento generalizado de preços.

De acordo com Guedes, a inflação mundial é causada por uma desorganização da produção provocada pelas medidas restritivas para conter a pandemia de covid-19. “Como houve essa ruptura de cadeias produtivas, o mundo deu uma desorganizada geral. Houve um choque adverso de oferta. E ao mesmo tempo todos os governos lançaram esses programas sociais. Ou seja, a demanda aumentou forte, a oferta foi contida e a inflação global subiu.”


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Economia

Economia

Presidente volta a prometer zerar pedágio para motocicletas em BRs

Bolsonaro dá exemplo da Presidente Dutra, onde medida já foi adotada

28 de Junho de 2022 as 15h00

Economia

Petrobras tem novo presidente; posse é questionada por petroleiros

Mandato de presidente vai até o dia 13 de abril de 2023

28 de Junho de 2022 as 14h15

Economia

Brasil crescerá entre 3% e 4% nos próximos anos, diz ministro

Guedes anuncia medidas para redução de impostos no setor industrial

28 de Junho de 2022 as 12h45

Economia

USP prevê perda de 6,5% do orçamento com redução do ICMS

Governo de SP diz que valor da tributação passou de 25% para 18%

28 de Junho de 2022 as 11h30

Economia

Confiança do comércio tem maior nível desde março de 2020, diz CNC

Índice subiu 5,1% de maio para junho deste ano e atingiu 122,4 pontos

28 de Junho de 2022 as 10h30

Economia

Governo estuda meios para implementar alterações do ICMS em Mato Grosso

Assunto está sendo tratado por meio do Comsefaz com todos os Estados

28 de Junho de 2022 as 08h30

Economia

Caixa paga Auxílio Brasil a beneficiários com NIS final 8

Valor mínimo para cada família é R$ 400

28 de Junho de 2022 as 05h45

Economia

Petrobras reinicia processo de venda de três refinarias

Ativos ficam em PE, no PR e no RS

27 de Junho de 2022 as 23h00

Economia

Governo destina R$ 5,1 milhões para obras de saneamento em 9 estados

Maior repasse vai para Rorainópolis, em Roraima

27 de Junho de 2022 as 21h45

Economia

Paes de Andrade é nomeado conselheiro e eleito presidente da Petrobras

Mandato vai até 13 de abril de 2023

27 de Junho de 2022 as 21h30

Economia

Presidente do BC diz que o pior da inflação já passou

Afirmação foi feita durante o Décimo Fórum Jurídico de Lisboa

27 de Junho de 2022 as 14h00

Economia

Tesouro Direto: investimentos superaram resgates em R$ 1,76 bi em maio

Aplicações de até R$ 1 mil representaram 59,99% de todas as operações

27 de Junho de 2022 as 12h45

Economia

Governo de São Paulo reduz imposto sobre a gasolina

Valor da tributação passou de 25% para 18%

27 de Junho de 2022 as 10h45

Economia

Consulta pública para elaboração do orçamento 2023 inicia nesta segunda-feira (27)

Questionário ficará disponível no site da Sefaz até o dia 15 de julho

27 de Junho de 2022 as 09h30

Economia

Confiança da construção cresce 1,2 ponto em junho

Índice é medido pela Fundação Getulio Vargas

27 de Junho de 2022 as 09h30

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO