Telecomunicação

Leilão da tecnologia 5G vai garantir conectividade para áreas isoladas no Brasil

Chamada pública está aberta para aprimorar o Edital de Licitação das faixas de radiofrequências que permitirão a implementação da tecnologia de quinta geração no País; saiba mais sobre a internet 5G

Fonte: Anatel
01 de Março de 2020 as 18h 30min

O 5G é um salto qualitativo. Vai permitir várias aplicações que passam pela Saúde, da Educação, da Segurança Pública, Mobilidade Urbana. - Foto: Ascom/Anatel

As redes de telecomunicações evoluíram rapidamente em todo mundo. Basta imaginar que o Brasil completa 30 anos desde a chegada dos primeiros telefones móveis. Isso aconteceu no dia 30 de dezembro de 1990, quando 667 linhas começaram a funcionar no município do Rio de Janeiro (RJ).

De lá para cá, várias gerações de padrões e tecnologias de telefonia móvel se difundiram por todo mundo. A quarta geração (4G) expandiu tanto as possibilidade de uso, especialmente de transferência de dados e acesso a internet que, de acordo com dados da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP/2019), o Brasil possui mais de 230 milhões de smartphones ativos.

A inclusão digital chegou para boa parte dos brasileiros e uma nova fronteira tecnológica se desvela no horizonte: a implantação da tecnologia 5G no País.

Diferente das tecnologias anteriores, esse novo paradigma vai muito além de aumentar a velocidade de transferência de dados. "É permitir que tenhamos serviços mais avançados de maneira a beneficiar toda a sociedade. A humanidade vai evoluindo conforme alguns eventos. Esse evento do 5G é um salto qualitativo. Vai permitir várias aplicações que passam pela saúde, da educação, da segurança pública, mobilidade urbana. São várias aplicações que cada pessoa vai sentir no seu cotidiano", acredita o presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móveis Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Marcos Ferrari.

Para o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Leonardo Euler, o 5G vai remodelar a práticas sociais e os meios produtivos. "Se trata de um guarda-chuva que vai catalisar diversas tecnologias como: inteligência artificial, análise decorrente de Big Data, o uso de inteligência a partir de machine learning decorrente de Inteligência Artificial). Portanto, além de uma vazão de dados maior, o 5G oferece novas facetas, notadamente a Internet das Coisas", detalha.

Internet das Coisas
A Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) é a troca de informações entre quaisquer dispositivos com acesso a internet. É uma rede gigante de coisas e pessoas conectadas que coleta e compartilha dados sobre o modo como os aparelhos são usados e sobre o ambiente ao redor deles.

Isso inclui um número extraordinário de dispositivos de todas as formas e tamanhos. De micro-ondas inteligentes, que cozinham automaticamente seu alimento pelo tempo certo, até carros autônomos, cujos sensores complexos detectam objetos em seu caminho.

Até mesmo no comércio pode ser utilizado a IoT. Com sensores em uma loja, é possível descobrir em quais locais os clientes passam mais tempo ou quais produtos são consumidos, inclusive realizando o pedido aos fornecedores de forma automática, conforme o estoque de algum produto fique baixo. Tudo isso são exemplos de IoT.

A IoT permite várias ​possibilidades de comunicação, muitas das quais ainda não é possível entender completamente o impacto. E a tecnologia 5G vai ampliar tudo isso trazendo a massificação da Internet das Coisas.

Em uma escala ampla, a IoT massiva pode ser aplicada a coisas como redes de transporte em cidades inteligentes, que podem nos ajudar a reduzir o desperdício e melhorar a eficiência de coisas como o uso de energia e redução do tempo de deslocamento.

Próximos passos brasileiro
A Anatel abriu consulta pública para colher contribuições para aprimorar o Edital de Licitação das faixas de radiofrequências que permitirão a implementação da tecnologia de quinta geração (5G) no Brasil. As contribuições da sociedade podem ser feitas até o dia 2 de abril de 2020. Nesse período, haverá audiência pública em Brasília para fomentar o debate sobre o edital. A data da reunião ainda não foi definida. 

O edital propõe a licitação das faixas de 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz e traz, como novidade, a inclusão de mais 100 MHz na faixa de 3,5 GHz. "O edital que a Anatel vem elaborando provavelmente será o maior edital de direito de uso de radiofrequência da história do Brasil. Trabalhamos intensamente para realizar o leilão ainda em 2020. Se assim o fizermos, o Brasil está junto com os países que estão na vanguarda, como os países da Europa", declarou o presidente da Anatel, Leonardo Euler.

O secretário de Telecomunicações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Victor Meneses, lembrou que a Anatel usará, no Edital de Licitação, compromissos de abrangência para levar conectividade para áreas que ainda precisam. "Muitas vezes há áreas isoladas que não são atrativas do ponto de vista econômico. Uma operadora, para ir até lá, muitas vezes ela vai tomando prejuízo ou vai ganhando muito pouco. Às vezes não há uma atração. Então colocamos ali aquelas áreas que devem ser priorizadas como compromissos de cobertura que a Anatel vai estabelecer no edital. Impõe obrigações para que a gente possa ter o país inteiro conectado", detalhou Meneses

A primeira grande etapa desse processo é a Consulta Pública. Após isso, é preciso analisar, individualmente, cada uma das contribuições que forem enviadas. Depois, a Anatel adequa a proposta. "Fazemos um modelo de negócios hipotético onde são estimados os custos para precificar o direito de uso da faixa. Essa proposta é submetida ao crivo do TCU, que tem até 150 dias para se pronunciar. Na sequência, os autos vão para a AGU, retornam para a área técnica da Anatel e vão para o Conselho Diretor, onde é designado um relator da matéria. Há todos esse trâmite legal, mas eu acredito ser bastante factível realizar este leilão ainda em 2020", acredita Euler.


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Tecnologia

Tecnologia

Governo dialoga com startup para atrair novo perfil de investidores para o Parque Tecnológico

A organização está interessada na prospecção de parceiros que desenvolvam arranjos sociais, com impactos sobre o bem estar da sociedade e do meio ambiente

10 de Maio de 2022 as 11h15

Tecnologia

Seciteci fortalece relacionamentos em evento mundial de inovação e tecnologia

Evento reúne mais de 70 países, todos imersos na busca por ideias inovadoras e agentes financiadores para novos projetos

06 de Maio de 2022 as 16h45

Tecnologia

Governo busca atrair novos investidores em evento internacional de inovação e tecnologia

Evento reúne mais de 70 países, todos imersos na busca por ideias inovadoras e agentes financiadores para novos projetos

06 de Maio de 2022 as 16h45

Tecnologia

Reeducandos concluem cursos de qualificação profissional na Penitenciária Mata Grande

Capacitação foi uma parceria da unidade penal com a Secretaria de Ciências, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso (Secitec) e a associação católica Obra Kolping

21 de Abril de 2022 as 09h15

Tecnologia

Governo de MT amplia parceria com a UFMT para incentivo à atividade de pesquisa

Por meio da Seciteci, o Estado investirá cerca de R$ 20 milhões no lançamento de editais para ampliar laboratórios de pesquisa

21 de Abril de 2022 as 09h15

Nova Marca

Facebook muda de nome e agora se chama Meta

Rede social segue com o mesmo nome, mas ficará subordinada à nova marca junto com WhatsApp e Instagram. Mudança ocorre em meio a críticas à empresa depois que documentos internos revelaram uso de algoritmo que facilitava propagação de informações

29 de Outubro de 2021 as 07h35

Algumas projeções para os smartphones até o fim da década

18 de Outubro de 2021 as 18h14

Instabilidade

WhatsApp, Instagram e Facebook ficam foram do ar nesta segunda

Instabilidade nas três plataformas atinge usuários de diversos países; empresas ainda não informam o que aconteceu

04 de Outubro de 2021 as 14h46

Tecnologia

Mato-grossenses podem solicitar primeiro emplacamento e transferência via App MT Cidadão

Atualização do aplicativo MT Cidadão facilita a vida dos usuários e inclui uma série de serviços públicos digitais

22 de Setembro de 2021 as 13h45

Tecnologia

Seciteci entrega materiais pedagógicos para alunos Mediotec de Técnico em Agropecuária

Ao todo 342 alunos iniciaram o curso de forma híbrida. O curso Mediotec é realizado em parceria com o Governo Federal, por meio do programa Novos Caminhos

10 de Setembro de 2021 as 09h30

Tecnologia

Seciteci entrega diploma para estudantes da região Sul de Mato Grosso

Os cursos iniciados em 2017 foram concluídos em 2020, porém por conta da pandemia, a entrega dos diplomas foi adiada e somente agora a ação foi concretizada

03 de Setembro de 2021 as 10h30

Tecnologia

Mais de 20 mil pessoas participaram da Semana da Inovação de Mato Grosso, realizada de forma virtual

Na SIMT também foi lançado Prêmio Inova Mato Grosso, como forma de reconhecer as empresas que atuam em gestão de inovação no Estado

31 de Agosto de 2021 as 13h45

Tecnologia

Médico fala sobre mitos e verdades da Covid na Escola Técnica de Sinop

A equipe se prepara para que a retomada das aulas presenciais aconteça de forma segura e consciente

27 de Agosto de 2021 as 14h00

Tecnologia

Secretário destaca investimentos em inovação para superar desafios do agro

Secretário Nilton Borgato participou de evento na sede da Federação das Indústrias de Mato Grosso

26 de Agosto de 2021 as 10h45

Tecnologia

Seciteci realiza 1º Encontro Estadual de diretores e coordenadores das Escolas Técnicas

O evento ocorreu das 08h às 17h, nesta terça-feira (24.08) no plenário da Assembleia Legislativa

25 de Agosto de 2021 as 08h45

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO