Restrição De Pesca

Piracema começa no dia 1º de Outubro em Mato Grosso

Resolução publicada esta semana pelo Cepesca define restrição da pesca em rios de Mato Grosso a partir de outubro

Fonte:MT Agora - Sema-MT
11 de Agosto de 2016 as 17h 43min

O Conselho Estadual da Pesca (Cepesca) definiu o período de defeso da piracema para os rios de Mato Grosso. A partir do dia 1º de outubro a pesca nas bacias do Paraguai, Amazonas e Araguaia-Tocantins está proibida sendo liberada novamente a partir do dia 31 de janeiro de 2017. Quem desrespeitar a legislação poderá ter o pescado e os equipamentos apreendidos, além de levar multa que varia de R$ 1 mil a R$ 100 mil, com acréscimo de R$ 20 por quilo de peixe encontrado.

De acordo com a secretária-executiva do Conselho Estadual da Pesca (Cespesca), Gabriela Priante, a piracema coincide com a estação das chuvas, quando os peixes migratórios se deslocam rumo à cabeceira dos rios, em busca de alimentos e condições adequadas para o desenvolvimento das larvas e dos ovos. A desova também pode ocorrer após grandes chuvas, com o aumento do nível da água nos rios, que ficam oxigenadas e turvas. “Considerando tudo isso é que ficou estabelecido o período de defeso, que tem por objetivo possibilitar a renovação dos estoques pesqueiros para os anos seguintes”.

A resolução que normatiza essa regra foi publicada no Diário Oficial da última sexta-feira (05.08). Conforme o documento, só será permitida a modalidade de pesca de subsistência, praticada artesanalmente por populações ribeirinhas e/ou tradicionais, como garantia de alimentação familiar. A cota diária por pescador (subsistência) será de 3 kg ou um exemplar de qualquer peso, respeitado os tamanhos mínimos de captura estabelecidos pela legislação para cada espécie. Estão proibidos o transporte e comercialização deste pescado oriundo da subsistência.

A modalidade pesque e solte ou pesca por amadores também estará proibida. Frigoríficos, peixarias, entrepostos, postos de venda, restaurantes, hotéis, e similares terão até o segundo dia útil após o início da piracema para informar a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) o tamanho de seus estoques de peixes in natura, resfriados ou congelados, provenientes de águas continentais, excluindo os peixes de água salgada.

Não há permissão para declaração de estoque de pescado para pessoas físicas, senão para pescadores profissionais e com a apresentação da DPI (Declaração de Pesca Individual) emitida em seu próprio nome. Estão contemplados na resolução para o caso específico, peixes vivos nativos da bacia para fins ornamentais ou para uso como isca viva.

Mudança

Diferente dos anos anteriores, quando a proibição para pesca era de novembro a fevereiro, o período de piracema deste ano foi alterado para os meses de outubro a janeiro com base em estudos realizados entre dezembro de 2015 e abril de 2016 que apontou mudança no comportamento reprodutivo dos peixes.

O estudo é um projeto de pesquisa idealizado pelo Cepesca, atendendo a Notificação Recomendatória do Ministério Público Estadual (MPE) n° 01, de 12 de janeiro de 2015, que pedia a ampliação do período de defeso de quatro para seis meses, mas como já existiam estudos mostrando que outubro é o mês em que os peixes iniciam sua fase de reprodução foi necessário realizar apenas novas pesquisas para decidir sobre o término do período da piracema.

O monitoramento para avaliar se realmente o comportamento reprodutivo dos peixes terminava em janeiro, fevereiro ou alcançava março se iniciou em janeiro deste ano nos rios que compõem as três bacias hidrográficas de Mato Grosso. E, diferente do que se imaginava, a pesquisa mostrou que no geral cerca de 75% dos peixes dos rios do Estado iniciam sua fase de ovulação em outubro; e em média 40% terminam esse período em janeiro, ao invés de ser entre novembro e fevereiro.

Seguro defeso

Os pescadores profissionais que precisam paralisar suas atividades durante a piracema recebem do INSS o seguro defeso. Para garantir o pagamento do valor, que é de um salário mínimo, o gerente executivo do INSS de Cuiabá, Odair Egues, entrou em contato com superintendência central, localizada em Brasília e solicitou um replanejamento para atender o novo período de defeso já definido no Estado. “Assim que eles darem um parecer vamos, sem dúvida, obedecer às orientações federal”.

Denúncias

A pesca depredatória e outros crimes ambientais podem ser denunciadas por meio da Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838; no site da Sema, por meio de formulário; ou ainda nas unidades regionais do órgão ambiental.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Coronavírus em Sorriso

Sorriso tem primeiro caso suspeito de coronavirus em homem que esteve na Europa

O paciente deu entrada com sintomas da doença na quarta-feira (26) em um hospital particular da cidade

28 de Fevereiro de 2020 as 21h17

Acidente

Caminhão atropela PMs em moto durante atendimento a ocorrência em MT

Eles estavam acompanhando uma ocorrência de um carro que teria sido roubado quando sofreram o acidente.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h57

Trânsito

Rios transbordam e interrompem o trânsito em duas BRs em MT

Trechos das BRs 174 e 242 estão intransitáveis. Com as chuvas intensas, o nível dos rios subiu e estradas alagaram.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h49

Matrículas da Rede Estadual

Matrículas web para novos alunos da rede estadual de ensino começam na 3ª em MT

Os pais precisam ficar atentos para o preenchimento do cadastro que é obrigatório, para assim efetuar a matrícula em escolas que iniciarão o ano letivo em 23 de março de 2020.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h45

PROCESSO SELETIVO

Prefeitura de Barra do Garças (MT) abre processo seletivo com 139 vagas

Os profissionais que forem efetivados terão a remuneração de R$ 1,3 mil a R$ 2,6 mil, em regime de 24 a 40 horas semanais.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h42

Reforma

Moradores vão reformar escola que está desativada em comunidade rural de MT

A escola é utilizada para reuniões e cursos para moradores e local de votação para eleições em Poconé.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h40

Furto ou Assalto

Carro é abandonado após motorista bater em poste e é encontrado sem as rodas e bateria em avenida de Cuiabá

Não há informações se o carro havia sido furtado ou assaltado. A chave do automóvel foi deixada ao lado do veículo.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h37

Esfaqueamento

Jovem de 18 anos grita por socorro e é morta a facadas em MT; ex-marido é suspeito do crime

Testemunhas contaram à polícia que Laiany Lemos Almeida, de 18 anos, e o suspeito moravam juntos e tinham dois filhos. O casal havia se separado há pouco tempo.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h34

Acidente

Bancária bate em viatura da polícia em Cuiabá

A mulher dirigia um carro SUV, que teve a parte da frente destruída pela batida.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h29

Investigação

Operação investiga roubos de veículos e venda de peças na Grande Cuiabá

Grupo investigado tem a prática de manter as vítimas reféns nos crimes de roubo a caminhões e cargas.

28 de Fevereiro de 2020 as 13h26

Medidas Tomadas

Secretaria de Saúde acompanha ações locais sobre coronavírus

As condutas seguem o protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde para o COVID-19, que visa à proteção individual e coletiva

28 de Fevereiro de 2020 as 07h58

Desenvolvimento

Cooperação entre Governo e prefeituras vai possibilitar pavimentação de 86 km de rodovias

As obras serão possíveis graças a parceria com as prefeituras de Porto dos Gaúchos e Ipiranga do Norte

28 de Fevereiro de 2020 as 07h56

Operação Carnaval

Mesmo com aumento de pontos festivos, índices criminais têm redução em MT

O número de homicídios registrou queda de 17%; nenhum dos casos ocorreu em locais de festividade

28 de Fevereiro de 2020 as 07h54

Prisão

Justiça mantém prisão de fazendeiro acusado de matar agrônomo em MT

Silas Henrique Palmieri Maia, de 33 anos, foi assassinado dentro de um restaurante em fevereiro de 2019. Fazendeiro contou que se sentiu incomodado com a presença do engenheiro na fazenda, mas que não queria matá-lo.

26 de Fevereiro de 2020 as 15h02

FUGA

Motorista bate carro em canteiro de avenida, abandona veículo e foge em Cuiabá

As placas do veículo são de Belo Horizonte e há um adesivo de locadora. A suspeita é que o carro seja alugado.

26 de Fevereiro de 2020 as 14h57

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO