Prevenção

MPE, MPF e MPT notificam Governador a suspender decreto que libera comércio

Foi estabelecido um prazo de 24 horas para que o governador se manifeste se irá, ou não, cumprir a recomendação.

Fonte: Clênia Goreth | Assessoria
26 de Março de 2020 as 17h 35min

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, Ministério Público Federal e Ministério Público do Trabalho requereram ao governador Mauro Mendes a suspensão dos efeitos do Decreto 426/2020, que relaxou as medidas restritivas de prevenção ao coronavírus, liberando praticamente todo tipo de atividades comerciais e industriais. O ofício foi protocolado nesta quinta-feira (26).

Além de apresentar estudos e justificativas técnicas que apontam para a ocorrência de mais de oito mil mortes no Estado caso não sejam adotadas medidas estritas de isolamento, os membros dos Ministérios Públicos argumentam que os incisos que alteraram o Decreto Estadual 425/2020 são inconstitucionais.

No ofício enviado ao chefe do Poder Executivo, o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, o procurador-chefe do MPT/M, Rafael Mondego Figueiredo, o promotor de Justiça Alexandre de Matos Guedes, a procuradora da República Denise Muller Slhessarenko e a procuradora do Trabalho Tathiane Nascimento solicitam que os efeitos do referido decreto sejam suspensos por ao menos 15 dias. Foi estabelecido um prazo de 24 horas para que o governador se manifeste se irá, ou não, cumprir a recomendação.

“A partir do momento em que se permite o funcionamento de atividades não essenciais nos termos previstos na legislação nacional, o Estado de Mato Grosso está colocando em risco a sua população, eis que as diretivas da Organização Mundial de Saúde indicam o isolamento social como medida mais adequada no trato com a pandemia”, alertam os procuradores que subscrevem o ofício.

Acrescentam ainda que muitas das atividades liberadas podem ser realizadas via teletrabalho e outras podem ter o funcionamento limitado para casos de extrema necessidade. Eles observam também que o novo decreto não estabelece a responsabilidade das empresas que não seguirem as normas sanitárias e nem detalha como será feita a fiscalização pelo poder público para assegurar que as medidas de precaução serão cumpridas.

De acordo com um estudo realizado pela Fiocruz, a região de Cuiabá está entre os 40 lugares do Brasil com maior risco de disseminação grave da pandemia. Médicos do Hospital Universitário Júlio Müller, em comunicação oficial também solicitou ao Governo que revise o Decreto, por sua incompatibilidade com as necessidades da saúde pública e das características da pandemia em questão.

“Torna-se necessário comunicar ao Estado de Mato Grosso que as referidas disposições do Decreto Estadual Nº 425/2020 encontram-se em desacordo com a norma federal pertinente, acarretando aglomerações que devem ser evitadas em nome da saúde pública e da vida das pessoas”, finalizam.

Acesso o Ofício, aqui


COMENTARIOS

Mais de Estado

Coronavírus

MT tem dívida com a União suspensa pelo STF; recurso vai para o combate à Covid-19

O pagamento da dívida será suspenso por 180 dias; recurso será destinado à ações de combate a disseminação do coronavírus. A parcela de março de 2020 foi quitada no dia 30

06 de Abril de 2020 as 20h58

Coronavírus

Segunda-feira (06): Mato Grosso registra 76 casos confirmados de Covid-19

Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios.

06 de Abril de 2020 as 20h57

Contaminação por Coronavírus

Cuiabá lidera número de casos confirmados de Covid-19 em MT

Dados mostram que o número de mulheres com a doença é maior, se comparado aos homens

06 de Abril de 2020 as 20h53

Hospital Metropolitano

Governador mostra à imprensa o avanço das obras; veja o andamento

Mauro Mendes vistoriou a unidade na manhã desta segunda-feira (06)

06 de Abril de 2020 as 20h51

Alternativas

Senacon orienta consumidores sobre serviços contratados de academias

Fornecedores e consumidores devem buscar um acordo

06 de Abril de 2020 as 20h50

Saúde

Atendimentos presenciais permanecem suspensos até o dia 30 de abril

Todos os suportes presenciais para beneficiários e prestadores serão realizados virtualmente

06 de Abril de 2020 as 20h48

Desvio de Barreira

Sefaz apreende mais de R$ 140 mil em mercadorias sem nota fiscal

Trabalho realizado pela fiscalização interceptou caminhões que “furaram o posto” por carregar mercadorias irregulares

06 de Abril de 2020 as 20h46

Covid-19

MTI viabiliza antivírus gratuito para todas unidades de saúde do Estado durante pandemia

As licenças foram concedidas pela empresa Kaspersky Lab, parceira da MTI em Mato Grosso

06 de Abril de 2020 as 20h45

Auxilio aos Caminhoneiros

Sinfra disponibiliza informações sobre pontos de apoio nas rodovias

O objetivo é informar os caminhoneiros e outros usuários das rodovias e auxiliar que as viagens sejam realizadas sem empecilhos

06 de Abril de 2020 as 20h43

Doe Sangue

MT Hemocentro atende por agendamento e fornece transporte para doadores

MT Hemocentro tem sido rigoroso em relação às medidas de proteção e prevenção ao contágio do coronavírus, sempre pautado pelas determinações do Ministério da Saúde

06 de Abril de 2020 as 20h41

INSCRIÇÕES

Aberta inscrição para palestra online sobre gestão escolar

A videoconferência, que será realizada nesta segunda-feira (06.04) às 16h, terá como palestrante a secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk

06 de Abril de 2020 as 13h41

Coronavírus

Corpo de Bombeiros distribuiu 2.300 máscaras nas ruas de Cuiabá

Distribuição visa estimular a população a usar máscaras de tecido ou mesmo fazê-las em casa

06 de Abril de 2020 as 13h37

CPF NA NOTA

Sefaz suspende sorteios até que Caixa recomece extrações da Loteria Federal

Documentos emitidos no período de suspensão continuam tendo validade

06 de Abril de 2020 as 10h09

Coronavírus

Governador torna uso de máscara obrigatório em MT

A partir do dia 13, será obrigatório em todo o Estado o uso da máscara mesmo que artesanal para todos

03 de Abril de 2020 as 20h30

Atualização

Mato Grosso registra um óbito e 44 casos confirmados de Covid-19

Os pacientes com coronavírus são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios

03 de Abril de 2020 as 19h18

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO