Criança Morta

''Meu marido comprou achocolatado de amigo'', diz mãe de criança morta

Menino de 2 anos morreu após tomar bebida; dois suspeitos foram presos. Segundo a polícia, veneno para ratos foi colocado no produto.

Fonte:MT Agora - G1 MT
02 de Setembro de 2016 as 01h 25min

Rhayron Christian, de 2 anos, morreu após tomar achocolatado supostamente envenenado (Foto: Arquivo pessoal)

A mãe do menino de 2 anos que morreu após ingerir achocolatado envenenado em Cuiabá (MT) disse que o marido, que é pai de Rhayron Christian da Silva Santos, comprou o produto de um amigo dele por um preço abaixo do valor vendido nos mercados. O amigo e outro homem foram presos nesta quinta-feira (1º).

O achocolatado foi enviado para perícia e o laudo divulgado pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) comprovou o envenenamento.

Segundo a Polícia Civil, Deuel de Rezende Soares, de 27 anos, amigo do pai do menino, teria furtado a bebida de um mercado. O outro preso é dono de uma mercearia na região. Ele é suspeito de ter envenenado o achocolatado.

"Estávamos passando por dificuldades [financeiras]. Ele vendeu mais barato. Nós pagamos R$ 10 pelos cinco achocolatados", contou a mãe, Dani Cristina dos Santos, de 26 anos. A família mora no Bairro Parque Cuiabá, na capital.

No dia 25 de agosto, a mãe disse que ao acordar o marido a avisou que tinha cinco caixinhas de achocolatado na geladeira. Quando o filho acordou, ela pegou o achocolatado e deu ao filho. Rhayron morreu cerca de uma hora depois de ter ingerido a bebida, segundo a mãe.

"Meu marido só mandou que eu olhasse a validade antes de dar para ele. Eu olhei e vi que ainda iria vencer no mês 11", disse Dani. Rhayron tinha completado 2 anos três dias antes de morrer. Ela disse que não conhece o microempresário que foi preso por suspeita de ter envenenado o achocolatado.

Segundo a mãe, os achocolatados estavam lacrados e não havia nada de estranho. Ela contou que abriu uma caixinha e tomou dois goles antes de dar para o filho. "Ele nem tomou tudo, só uns goles", afirmou.

Dani contou que a criança bebeu o achocolatado e sentou junto com ela para assistir TV. O pai, que também estava na casa, pediu um abraço ao filho. "Ele levantou e saiu correndo para abraçar o pai. Daí já começou a ficar sem ar", explicou.

Em seguida, Dani disse que saiu na rua para pedir ajuda e um homem que passava de carro a levou com o filho até a Policlínica do Coxipó.

A mulher disse que também passou mal. "Fiquei com o corpo frio, suando, vomitei", disse.

Ela lamenta a morte do filho e diz que espera a punição dos culpados. "A dor é muito grande. Não sei nem o que falar. Só quero que a Justiça seja feita", declarou. Todos os dias desde a morte ela diz ir ao cemitério para "sentir a presença do filho". O menino foi enterrado no dia 26. "Ele era um anjo. Não teve tempo de aproveitar as coisas boas da vida", pontuou.

O crime

De acordo com a Polícia Civil, Adones José Negri, de 61 anos, é suspeito de ter colocado no achocolatado um veneno. A bebida foi furtada por Deuel na casa do dono do mercado. Os dois foram presos. Detalhes da investigação que chegou até os dois suspeitos ainda não foram informadas pela polícia.

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte da criança a partir de denúncia registrada pela mãe na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ela relatou que o filho tomou o achocolatado, da marca Itambé.

Suspensão

Até que os produtos Itambezinho do lote lote MA: 21:18 fossem analisados em laboratório, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou o recolhimento de um lote do achocolatado Itambezinho e proibiu a comercialização do produto pelo período de 90 dias, em todo o Brasil.

Posicionamento do fabricante

Em nota, a Itambé, empresa fabricante do produto, informou que, com a prisão dos dois suspeitos de envenenamento, ficou esclarecido que o produto Itambezinho não estava contaminado.

"A Itambé reforça que desde o dia 25/05, data de fabricação do lote em questão, já foram comercializadas mais de 5 milhões de unidades e não foram registradas reclamações de nenhuma natureza. A empresa lamenta o ocorrido, se solidariza com a dor da família e reforça seu compromisso com os consumidores brasileiros ao entregar produtos da mais alta qualidade", diz trecho da nota.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Pedágio

Decisão do Governo sobre a BR-163 pode tornar MT ‘Estado inviável’ e aumentar pedágio, aponta estudo

A BR-163 foi licitada pelo menor custo tarifário, já que seu plano de investimento era sustentado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

24 de Fevereiro de 2020 as 13h28

Sífilis

Mato Grosso registrou 8,5 mil casos de sífilis entre 2015 e 2019

Por meio do teste rápido, é possível diagnosticar a infeção sexualmente transmissível, que tem tratamento e cura.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h21

Substituição

Presidente do TCE substitui dois conselheiros após STF manter afastados 5 titulares acusados de corrupção em MT

Segundo o TCE, as trocas foram feitas para garantir a todos os conselheiros a oportunidade de atuar no Tribunal Pleno.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h06

Carnaval 2020

Mais de 50 mil passageiros devem passar pelo Aeroporto Marechal Rondon em MT durante o carnaval

Fluxo de passageiros nesse período é 20% maior. A recomendação nesse período de grande fluxo é que os passageiros se programem para chegar mais cedo.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h02

Cultivo de Maconha

Sitiante é preso suspeito de cultivar maconha em terreno em MT

Além dos pés de maconha, foram encontradas drogas prensadas. Suspeito afirmou à polícia que é para consumo próprio.

20 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Investigação

Padre é investigado pela polícia por suspeita de importunação sexual a duas mulheres em MT

Inquérito foi aberto depois que as mulheres procuraram a polícia para denunciar que tinham sido vítimas do padre.

20 de Fevereiro de 2020 as 14h35

Vagas de Emprego

Estão abertas 859 vagas de empregos pelo Sine em MT; oportunidades estão em 28 municípios

Estão abertas 859 vagas de empregos pelo Sine em MT; oportunidades estão em 28 municípios

20 de Fevereiro de 2020 as 09h25

Sem Alvará

Justiça manda fechar academia que não possui alvará nem profissional habilitado em MT

A academia continuava sem a presença de profissional habilitado em período integral de funcionamento.

20 de Fevereiro de 2020 as 09h13

Denuncia

Associação de Fabricantes de Placas denuncia Detran-MT por supostas irregularidades no novo sistema de emplacamento padrão Mercosul

Segundo a entidade, a resolução do Conselho Nacional de Trânsito sobre a implantação das novas placas teria sido descumprida.

20 de Fevereiro de 2020 as 09h10

Assalto

PM preso suspeito de assaltar agência de Correios é investigado por abusar de adolescente de projeto social

Vítima era aluna do projeto social 'Luz do Amanhã', comandado pela própria Polícia Militar. O objetivo do projeto, o qual Edmilson também trabalhava, é tirar crianças e adolescente das ruas.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Prisão

Marido é preso suspeito de matar e enterrar corpo de mulher no quintal de casa em MT

Simone Ferreira estava desaparecida desde o dia 31 de janeiro. Suspeito disse à polícia que bateu a cabeça da mulher contra a parede durante uma briga do casal e depois a enterrou no quintal.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h32

Roubo

Idoso é roubado e agredido por três travestis em região de prostituição em MT

Com uso de facas, elas ameaçaram de morte a vítima e levaram celular e carteira. Dois suspeitos foram presos.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h30

Prisão

Mãe denuncia creche após filha de 2 anos voltar para casa com hematomas em Cuiabá

A Polícia de Rondônia registrou o homicídio em uma lanchonete, na BR 364, na cidade de Presidente Médici.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h14

Denuncia

Mãe denuncia creche após filha de 2 anos voltar para casa com hematomas em Cuiabá

Segundo a mãe, ela matriculou a filha neste ano para trabalhar, mas agora precisa ficar em casa para cuidar da menina.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h08

Roubo

Ladrões rendem funcionários e clientes de loja de eletrodomésticos em Cuiabá

Um dos suspeitos armados se rendeu e foi preso. O segundo envolvido fugiu e está sendo procurado pela polícia, com a ajuda do helicóptero do Ciopaer.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h01

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO