Estado

Governo aumenta efetivo da Polícia Militar na capital e no interior de MT

O aumento de efetivo não é uma realidade apenas da polícia militar, mas de todas as entidades que compõem as forças de segurança de Mato Grosso – Corpo de Bombeiros, Polícia Judiciária Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

Aumento de Efetivo | 26 de Outubro de 2015 as 13h 56min
MT Agora - Assessoria

Desde o mês de setembro, 612 novos soldados da Polícia Militar passaram a integrar os comandos regionais de vários municípios do Estado. Outros 1.340 aprovados e classificados em concurso público iniciarão, ainda este ano, o curso de formação. O aumento de efetivo não é uma realidade apenas da polícia militar, mas de todas as entidades que compõem as forças de segurança de Mato Grosso – Corpo de Bombeiros, Polícia Judiciária Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). 
 
Nos comandos reginais dos municípios que receberam efetivo da PM, o destaque é para o aumento de policiamento ostensivo e de operações realizadas para o combate ao crime. O comandante regional de Rondonópolis, coronel PM Márcio Thadeu da Silva Firme, disse que é notória a mudança da segurança pública. Em poucos meses, a polícia militar já recebeu um incremento importante. 
 
“Foram destinados a nossa região 42 policiais militares. É um número que minimizou o problema da ausência de efetivo, que é uma deficiência de muitas gestões anteriores. Nosso trabalho melhorou muito. Estamos fazendo operações diárias nos três turnos e o resultado tem sido positivo. Temos sentido a satisfação da população”, destacou. 
 
Já o comandante da regional de Cuiabá, coronel Gley Alves de Almeida, enfatizou que o efetivo de 99 novos policiais permitiu que o policiamento ostensivo no município fosse intensificado. “Com o aporte de recursos humanos para o trabalho voltamos a realizar o policiamento ostensivo nas áreas apontadas pela Inteligência com maiores índices de violência e já começamos a colher os resultados”, falou. 
 
O secretário de Segurança Pública, Mauro Zaque, apontou que a situação do efetivo da polícia militar no Estado era gravíssima, pois contava apenas com 40% do seu quadro considerado ideal. “Em nove meses conseguimos aumentar o efetivo em todas as forças de segurança do Estado. Até o ano que vem teremos 3.490 novos policiais militares, civis e bombeiros. É o início de uma gestão comprometida com a segurança pública”. 
 
Na região de Tangará da Serra (a 240 km de Cuiabá), houve aumento de policiamento e incremento de polícia na rua. A informação é do comandante regional Celso Henrique Souza Barbosa, que destacou que a segurança pública já melhorou e que com a capacitação de novos policiais, a demonstração é que a pasta tem prioridade no governo. 
 
Outras regiões que receberam efetivo da Polícia Militar foram Várzea Grande, Sinop, Barra do Garças, Cáceres, Juína, Alta Floresta, Vila Rica, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Água Boa, Nova Mutum e Guarantã do Norte.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO