Prejuízos

Caminhões parados em rodovia no PA causam prejuízo a transportadoras de MT e atrasam escoamento da produção

Caminhoneiros passam até 125 horas retidos em rodovia, segundo o Dnit. Chuvas em trecho em obras na serra dificultam passagens de veículos de carga.

Fonte:MT Agora - Lislaine dos Anjos | G1
05 de Fevereiro de 2018 as 22h 06min

Caminhões estão sendo puxados por máquinas na BR-163 para chegarem aos portos do Pará (Foto: João Miranda/Arquivo pessoal)

Transportadoras das regiões médio-norte e norte de Mato Grosso contabilizam um prejuízo diário de R$ 9 milhões após caminhoneiros que seguem para os portos do Pará passarem dias parados na BR-163. Pelo menos mil veículos carregados, em sua maioria, com soja, enfrentam dificuldades em um trecho não pavimentado da rodovia, na subida da serra do município de Moraes Almeida (PA).

Nesta segunda-feira (5), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou, por meio de nota, que os caminhões estão sendo retidos em Novo Progresso por pelo menos 125 horas, a fim de evitar acúmulo de veículos em Moraes Almeida, onde o tempo de parada é estimado em 9 horas.

“A fila de caminhões em Novo Progresso está sendo liberada gradativamente. Mesmo com o clima seco, a pista continua escorregadia, o que dificulta a tração dos caminhões nos trechos em aclives”, diz trecho da nota.

Segundo Geison Tanchela, gerente de uma transportadora, o prejuízo no faturamento é resultado dos dias a mais de viagem, uma vez que, normalmente, o tempo médio para fazer o transporte dos grãos de Mato Grosso aos portos do Pará – Miritituba e Santarém – é de cinco dias.

“Hoje são mil caminhões parados a um custo de frete de R$ 220 por tonelada, fechando a conta de algo em torno R$ 9 milhões por dia a todas as transportadoras que transportam os grãos para esses dois portos”, disse.

Dificuldades na estrada
O caminhoneiro João Carlos Miranda, de 42 anos, mora em Guarantã do Norte, a 721 km de Cuiabá, e percorre semanalmente o trecho até os portos, há um ano e meio. Na última semana, ele passou quatro dias parados na rodovia e conta que, apesar de ter alguns pontos de estrada “lisa”, o que deixa a pista escorregadia, o pior trecho é a serra de Moraes Almeida.

“Eu só consegui passar quando a chuva deu uma trégua. A parte crítica tem uns 100 metros só, mas estavam precisando usar duas patrolas e um trator para puxar os caminhões, porque é uma subida e, com a obra sendo feita no local e as chuvas, fica difícil passar com o veículo carregado”, disse.

De acordo com Miranda, os caminhoneiros ficam sem banheiro, água ou comida na região, contando com a ajuda de fazendeiros e sitiantes que cedem alimento e água potável na entrada das fazendas.

No domingo (4), conforme o caminhoneiro, alguns motoristas chegaram a bloquear a rodovia, em protesto pela situação. O bloqueio não foi confirmado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) até a publicação desta matéria.

“Eu estou com o caminhão carregado de novo, mas não vou sair daqui para ficar parado na estrada. Só saio quando arrumarem a situação”, afirmou.

Mais prejuízos
Conforme o gerente Geison Tanchela, os dias de espera na estrada prejudicam, ainda, a qualidade dos grãos transportados, além de atrasarem o escoamento da produção.

“Os caminhões são projetados para o transporte dos grãos, para serem usados como armazéns, eles não têm um sistema para cuidar da produção. Esses grãos novos, da safra de 2018, podem sofrer um processo de avaria devido ao grande índice de umidade, o que só vai ser mensurado quando a carga for descarregada”, avaliou.

O custo de manutenção dos veículos também aumenta, uma vez que os caminhões acabam apresentado prejuízos mecânicos após serem forçados e arrastados por máquinas para se moverem na estrada.

Ele afirma que, apesar dos prejuízos causados, a viagem até os portos do Pará ainda são mais baratas do que o transporte da produção para o porto de Santos (SP).

“Mesmo com a situação da rodovia, cujos problemas são recorrentes, ainda se paga menos. Em vista da logística e do custo do transporte, é muito mais viável optar pelos portos do Pará”, afirmou.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Pedágio

Decisão do Governo sobre a BR-163 pode tornar MT ‘Estado inviável’ e aumentar pedágio, aponta estudo

A BR-163 foi licitada pelo menor custo tarifário, já que seu plano de investimento era sustentado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

24 de Fevereiro de 2020 as 13h28

Sífilis

Mato Grosso registrou 8,5 mil casos de sífilis entre 2015 e 2019

Por meio do teste rápido, é possível diagnosticar a infeção sexualmente transmissível, que tem tratamento e cura.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h21

Substituição

Presidente do TCE substitui dois conselheiros após STF manter afastados 5 titulares acusados de corrupção em MT

Segundo o TCE, as trocas foram feitas para garantir a todos os conselheiros a oportunidade de atuar no Tribunal Pleno.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h06

Carnaval 2020

Mais de 50 mil passageiros devem passar pelo Aeroporto Marechal Rondon em MT durante o carnaval

Fluxo de passageiros nesse período é 20% maior. A recomendação nesse período de grande fluxo é que os passageiros se programem para chegar mais cedo.

23 de Fevereiro de 2020 as 10h02

Cultivo de Maconha

Sitiante é preso suspeito de cultivar maconha em terreno em MT

Além dos pés de maconha, foram encontradas drogas prensadas. Suspeito afirmou à polícia que é para consumo próprio.

20 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Investigação

Padre é investigado pela polícia por suspeita de importunação sexual a duas mulheres em MT

Inquérito foi aberto depois que as mulheres procuraram a polícia para denunciar que tinham sido vítimas do padre.

20 de Fevereiro de 2020 as 14h35

Vagas de Emprego

Estão abertas 859 vagas de empregos pelo Sine em MT; oportunidades estão em 28 municípios

Estão abertas 859 vagas de empregos pelo Sine em MT; oportunidades estão em 28 municípios

20 de Fevereiro de 2020 as 09h25

Sem Alvará

Justiça manda fechar academia que não possui alvará nem profissional habilitado em MT

A academia continuava sem a presença de profissional habilitado em período integral de funcionamento.

20 de Fevereiro de 2020 as 09h13

Denuncia

Associação de Fabricantes de Placas denuncia Detran-MT por supostas irregularidades no novo sistema de emplacamento padrão Mercosul

Segundo a entidade, a resolução do Conselho Nacional de Trânsito sobre a implantação das novas placas teria sido descumprida.

20 de Fevereiro de 2020 as 09h10

Assalto

PM preso suspeito de assaltar agência de Correios é investigado por abusar de adolescente de projeto social

Vítima era aluna do projeto social 'Luz do Amanhã', comandado pela própria Polícia Militar. O objetivo do projeto, o qual Edmilson também trabalhava, é tirar crianças e adolescente das ruas.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Prisão

Marido é preso suspeito de matar e enterrar corpo de mulher no quintal de casa em MT

Simone Ferreira estava desaparecida desde o dia 31 de janeiro. Suspeito disse à polícia que bateu a cabeça da mulher contra a parede durante uma briga do casal e depois a enterrou no quintal.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h32

Roubo

Idoso é roubado e agredido por três travestis em região de prostituição em MT

Com uso de facas, elas ameaçaram de morte a vítima e levaram celular e carteira. Dois suspeitos foram presos.

19 de Fevereiro de 2020 as 14h30

Prisão

Mãe denuncia creche após filha de 2 anos voltar para casa com hematomas em Cuiabá

A Polícia de Rondônia registrou o homicídio em uma lanchonete, na BR 364, na cidade de Presidente Médici.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h14

Denuncia

Mãe denuncia creche após filha de 2 anos voltar para casa com hematomas em Cuiabá

Segundo a mãe, ela matriculou a filha neste ano para trabalhar, mas agora precisa ficar em casa para cuidar da menina.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h08

Roubo

Ladrões rendem funcionários e clientes de loja de eletrodomésticos em Cuiabá

Um dos suspeitos armados se rendeu e foi preso. O segundo envolvido fugiu e está sendo procurado pela polícia, com a ajuda do helicóptero do Ciopaer.

18 de Fevereiro de 2020 as 15h01

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO