Saúde

Estado do Rio tem queda de 50% em mortes por SRAG desde julho de 2020

Internações por SRAG caíram 47%

Fonte:EBC
22 de Outubro de 2021 as 22h 30min

© Fernando Frazão/Agência Brasil

O Mapa de Risco da Covid-19, divulgado hoje (22) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), aponta redução de 50% no número de óbitos e de 47% nas internações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) provocados pela doença, as maiores quedas desde o início da série histórica,  em 8 de julho de 2020. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o estado permanece, pela segunda semana consecutiva, com classificação de baixo risco (bandeira amarela) em todas 92 cidades fluminenses.

“Essa é a segunda vez, desde o início da edição do mapa de risco, que todas as regiões foram classificadas na bandeira amarela. É, também, a oitava semana consecutiva com a classificação geral do estado na bandeira amarela. Esses resultados nos indicam evolução progressiva no cenário epidemiológico. Estamos com os melhores indicadores desde março do ano passado e, por isso, reforçamos nosso pedido para que a população tome a segunda dose das vacinas e que os grupos indicados busquem a dose de reforço”, disse o secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe.

Entre os dias 19 de setembro e 9 de outubro, período que compreende as semanas epidemiológicas 38 e 40, foram aplicadas 2.426.776 de doses das vacinas contra o coronavírus. “Com o avanço da campanha de vacinação e a diminuição de transmissão da doença, a taxa de ocupação de leitos covid segue em queda progressiva. A de UTI passou de 41%, no levantamento anterior, para 35%; e a de enfermaria, de 21% para 19%, as menores desde o início deste ano. Parte dos leitos destinados a pacientes com covid-19 está sendo revertida para tratamento de outras especialidades, respeitando as barreiras sanitárias”, informou a secretaria.

Cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo)

Alteração na taxa

Nesta edição do mapa de risco, houve uma alteração no cálculo da taxa de positividade – que verifica os casos positivos para covid-19 nos exames RT-PCR. Até a semana passada, o cálculo utilizava resultados de exames realizados desde o início da pandemia. Por levar em consideração o percentual acumulado, foi observado que esse indicador já não refletia a realidade, pois atualmente os índices apresentam números mais baixos.

 “Por este motivo, a partir desta edição, a taxa de positividade passou a ser calculada considerando os exames realizados nas três semanas anteriores à publicação do mapa. A Subsecretaria de Vigilância e Assistência Primária à Saúde (SVAPS) esclarece que, desta forma, é possível efetuar uma avaliação ainda mais oportuna e precisa, refletindo dados mais factuais”.


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Ciência e Saúde

Saúde

Covid-19: Rio vai receber 120 mil doses de vacinas para as crianças

São 90 mil doses da CoronaVac e 30 mil doses do imunizante da Pfizer

24 de Janeiro de 2022 as 09h30

Saúde

Ministro da Saúde é o convidado do Sem Censura desta segunda-feira

Programa vai ao ar pela TV Brasil às 21h

24 de Janeiro de 2022 as 06h45

Saúde

Em 24 horas, Brasil registrou mais 135.080 casos de covid-19

Total de óbitos chegou a 296 no mesmo período

23 de Janeiro de 2022 as 18h00

Saúde

Especialistas explicam riscos de suplementos para treinos em academias

Produtos prometem melhor performance e resultados mais efetivos

23 de Janeiro de 2022 as 11h15

Saúde

Estudo aponta relação entre consumo de drogas e internações por trauma

Substâncias mais encontradas na pesquisa são álcool, cocaína e maconha

23 de Janeiro de 2022 as 08h45

Saúde

Em 24 horas, covid-19 registra 238 mortes

No mesmo período, foram 157.393 casos da doença

22 de Janeiro de 2022 as 20h30

Saúde

São Paulo aproveita o sábado para vacinar crianças sem comorbidades

Pfizer pediátrica é aplicada em imunossuprimidas de 5 a 11 anos

22 de Janeiro de 2022 as 16h45

Saúde

Reforço de marca diferente é mais eficaz para vacinados com CoronaVac

Estudo avaliou concentração de anticorpos 28 dias após dose de reforço

22 de Janeiro de 2022 as 15h30

Saúde

Distrito Federal inicia vacinação de crianças a partir de 6 anos

Até ontem, capital imunizava crianças com comorbidade e acim de 8 anos

22 de Janeiro de 2022 as 11h45

Saúde

Rio registra alta de 313% em internações e 172% em óbitos por covid-19

Governo trabalha para ampliar centros de testagem no estado

21 de Janeiro de 2022 as 21h30

Saúde

Governo vai enviar doses pediátricas para estados com baixos estoque

Vacinas contra a covid-19 serão enviadas para doze estados

21 de Janeiro de 2022 as 19h15

Saúde

CoronaVac é incluída no plano de vacinação para crianças

Anvisa autorizou ontem uso de imunizante para a faixa etária

21 de Janeiro de 2022 as 14h30

Saúde

Ministério faz vacinação contra a covid-19 na região Norte

Iniciativa acontece nos sete estados neste sábado

21 de Janeiro de 2022 as 10h15

Saúde

Covid-19: Rio retoma calendário de vacinação infantil na quarta-feira

Cidade espera receber 90 mil doses da Coronavac na segunda-feira

21 de Janeiro de 2022 as 10h00

Saúde

Inscrições para Exame Revalida 2022/1 encerram hoje

A prova será aplicada no dia 6 de março

21 de Janeiro de 2022 as 08h45

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO