Odebrecht diz que BR-163 é aposta no potencial do agronegócio

Empresa venceu leilão de trecho da rodovia com oferta com deságio de 52% Grupo também arrematou o aeroporto do Galeão, na semana passada.

27/11/2013 - 11:28:00

   

A Odebrecht afirmou nesta quarta-feira (27) que o seu lance com deságio de 52%, que arrematou a concessão de trecho da BR-163 em Mato Grosso em leilão realizado pela manhã, reflete a aposta da companhia no potencial do agronegócio brasileiro.

“Talvez os nossos concorrentes acordaram um pouco tarde para isso”, afirmou o diretor da Odebrecht, Renato Mello, ao ser questionado sobre a agressividade da oferta no leilão. Segundo o porta-voz da empresa, estudos sobre a rentabilidade e potencial da BR-163 estão sendo feitos há um ano e meio pela equipe da Odebrecht.

“Fomos estudar a logística, como é o movimento de grãos e chegamos à conclusão de que o potencial de crescimento do Mato Grosso está muito acima do PIB do país”, disse. A Odebrecht, que na semana passada já tinha arrematado a concessão do aeroporto do Galeão, informou ter interesse no leilão do outro trecho da BR-163, em Mato Grosso do Sul, previsto para 17 de dezembro, e em outros “bons projetos”.

Segundo o diretor, a companhia está estruturada para participar da disputa de outros projetos de infraestrutura.

“Não existe preocupação quanto a estrutura de capital. Sempre que existir um bom projeto, vamos estar perseguindo”, disse Mello.

Quanto ao início da cobrança de pedágio na BR-163, a Odebrecht informou a previsão é a partir do 18º mês de concessão, quando existe a exigência contratual de entrega de ao menos 10% dos cerca de 500 km de duplicação previstos. “Vamos fazer um esforço para ver se antecipamos este calendário”, afirmou o diretor.

Pelas regras do edital, estão previstas 9 praças de pedágio, cuja tarifa básica será de 0,02638 por quilômetro (ou R$ 2,638 para 100 quilômetros rodados).

O diretor da Odebrecht avaliou ainda que os investimentos em rotas alternativas para o escoamento da soja do Mato Grosso, como a pavimentação do trecho entre Sinop e Santarém e o projeto de concessão da ferrovia Norte-Sul, não reduzirão a rentabilidade da BR-163.

“O potencial de crescimento da produção de grãos em muito suplanta o impacto desses outros meios de transporte e rotas”, disse Mello, acrescentando que a aposta da empresa “é a crença no crescimento do agronegócio brasileiro que precisa de infraestrutura para escoar sua produção”.

A Odebrecht é um conglomerado brasileiro que atua na área de engenharia e construção, transporte e logística, energia, além de petroquímicos e químicos, óleo e gás e naval.

Entre as mais recentes obras da Odebrecht estão as obras da Arena Fonte Nova, Arena Pernambuco e Arena Corinthians. A empresa também é uma das acionistas da Braskem.

Na área de transportes, é a operadora da Supervia, no Rio, Conquistou a parceria público-privada para construção e operação da Linha 6-Laranja do metrô de São Paulo, opera o terminal portuário de contêineres Embraport, em São Paulo, e já atua em seis concessões de rodovias, administrando um total de 700 quilômetros de estradas.

Fundada em 1944, a Odebrecht está presente em 26 países e conta com mais de 175 mil profissionais;. Em 2012, a organização obteve uma receita bruta de R$ 84,4 bilhões.

MT Agora - G1

Mais Noticias

Segunda Missão

Aprosoja faz segunda missão ao Arco Norte nesta semana

Emplacamento de Máquinas Agrícolas

Aprovada lei que dispensa emplacamento em máquinas agrícolas

'Pirataria' de Sementes

Força-tarefa tenta coibir 'pirataria' no setor de sementes em Mato Grosso

Visita Técnica

Aprosoja faz vistoria em mais de mil quilômetros da BR-163

30/07/2015 -

TAC busca resolver problema de infestação da mosca de estábulo em propriedades rurais

A Stomoxys calcitrans, comumente conhecida como “mosca dos estábulos” ou “mosca da vinhaça” é, atualmente, responsável por causar prejuízos de grande impacto econômico nas cadeias produtivas da pecuária bovina e sucroalcooleira.

30/07/2015 -

Em evento voltado a mulheres, palestrantes falam sobre sucessão familiar empresarial rural

2º Encontro de Mulheres contou ainda com palestra motivacional ‘Empreender ou morrer’ e a criação do núcleo de mulheres no Sindicato Rural.

29/07/2015 -

Pecuaristas devem acompanhar levantamento do VTN para fins do Imposto Territorial Rural

O prazo para que os municípios entreguem as informações junto a Secretaria da Receita Federal termina no dia 31 de julho e serão usados para fins do Imposto Territorial Rural (ITR).

29/07/2015 -

Renda da agropecuária cresce 5% em MT com maior produção de milho

Segundo Imea, previsão em março era de R$ 43,64 bilhões para 2015. Em julho, o Valor Bruto de Produção foi revisto para R$ 45,7 bilhões.

29/07/2015 -

Audiência pública debate uso de agrotóxicos em Campo Verde (MT)

Debate é iniciativa de comitê que reúne órgãos da justiça e do governo. Serão realizadas audiências sobre o tema nas regiões produtoras de MT.

28/07/2015 -

Pesquisadores alertam sobre importância da destruição dos restos culturais do algodoeiro em MT

Iniciativa é vista como medida profilática para reduzir a população de pragas e as doenças que se desenvolvem nas plantas rebrotadas.

27/07/2015 -

Produtores repensam modo de produção em Mato Grosso

Debate proposto pelo Circuito Aprosoja faz com que os agricultores da região Norte reflitam sobre o trabalho nas lavouras do Estado.

25/07/2015 -

Custos/Cepea: Rentabilidade das propriedades de grãos recua pelo terceiro ano seguido

Dados de 45 países foram apresentados na Conferência Anual do Agri benchmark, no Brasil.

25/07/2015 -

Sema apresenta técnicas alternativas para o manejo do solo

Palestras promovidas pela Educação Ambiental em parceria com outras instituições mostram que há sistemas de produção agrícola mais eficientes e menos agressivos ao meio ambiente e a saúde humana do que o fogo.

24/07/2015 -

2º Encontro de Mulheres Produtoras Rurais de Lucas do Rio Verde será no dia 29 de julho

O evento será realizado no Sindicato dos Produtores Rurais, com início às 19h.

23/07/2015 -

Produtores em MT se preocupam com falta de armazéns para milho

Para Aprosoja, impacto negativo atinge o produtor e a balança comercial. Em Sorriso e Nova Mutum, o milho já é estocado a céu aberto.

23/07/2015 -

Peso de bovinos para abate em MT supera média nacional, diz Imea

Em 2014, média nacional foi de 15,8@ por cabeça, em MT foi de 16,5. Em dez anos, o peso de carcaça por animal aumentou 8,6% em MT.

22/07/2015 -

Falta de armazéns para milho pode gerar perdas a produtores de MT

Segundo a Aprosoja, impacto negativo atinge o produtor rural e, consequentemente, a balança comercial brasileira.

22/07/2015 -

Inscrições para seminário sobre ovinos terminam nesta quinta (23)

Interessados podem se inscrever gratuitamente no site do evento. Seminário ocorre na sede do Sindicato Rural de Sorriso na sexta-feira (24).

22/07/2015 -

Mato Grosso atinge posto de 2º maior exportador do agronegócio em junho

Complexo soja foi responsável por 88% das exportações do Estado no mês. O setor de carnes ocupou o segundo lugar nas exportações.